quarta-feira, abril 04, 2012

MÁRIO SOARES É SEMPRE A MESMA MERDA

Por estas e por outras é que se dizer de Esquerda mas comportar-se assim não passa da mais cínica forma de extorsão aos contribuintes. Nessa forma legal e legitimada de extorsão, Mário Soares, porque é socialista, não sabe senão ser aristocrático em péssimo, excepcionalista, usurário. Simplesmente não perdoa ao Estado nem o alivia com a devida frugalidade com que pode, como poucos, viver: «É intolerável que o Estado falido pague as despesas de deslocação destes indivíduos que foram presidentes da República e cuja função foi a de servir o país e não servir-se do país. É intolerável que sejamos nós a pagar (como aquele bem disse ao guarda) todas as despesas pessoais deste género de coisas. Carro de superluxo e de empreiteiro pato-bravo, a que nem sequer os grandes capitalistas se dão ao luxo corrente porque uma boa parte deles disse prescinde desse aparato. Evidentemente que ainda mais intolerável é haver na Assembleia da República uns certos senadores (Manuel Alegre por exemplo) com mordomias idênticas. Intolerável! E a mim ninguém me cala! Gasolina ou gasóleo por conta de todos nós e a imprensa calada que nem ratos no largo. Querem deslocar-se? Que paguem do seu bolso (e no fim de contas das pensões que recebem do Estado) porque dinheiro nunca lhes faltou, segundo consta.» josé

Sem comentários: