domingo, abril 08, 2012

VIRGENS COM HÍMEN DE AÇO

São José Almeida faz parte do grupo dos que se escandalizam com a falta de democraticidade do PS de Seguro. É incrível, sobretudo se se pensar na liberdade nula e nula ética na monstruosidade que o antecedeu na liderança naufragante desse partido especialista em rapina e de Portugal pela mesmíssima razão. A liberdade de voto como regra e outras regras invocadas pelas são-josés arvoradas em opinadoras e jornalistas e por todas as virgens de hímen rasgado do PS antiSeguro que me perdoem, mas vão-se foder largo. Faz todo sentido sancionar uma deputada que só na forma vota de forma autónoma, mas não vota para lá da vontade do anticristo de serviço em Paris. Se Isabel Moreira fosse uma deputada independente, não conspiraria objectivamente contra a direcção do PS com a qual nada teria a ver e tem. Não tem havido sossego no Rato com os caprichos que minam de Isabel Moreira, Pedro Nuno Santos e sobretudo dessa cana agitada pelo vento ideológico [meu Deus, o que é isso?!], o ex-presidente da AICEP e premiado pessoalmente por José Sócrates [especialista em avenças e prémios destes] para encabeçar a lista eleitoral por Leiria nas últimas legislativas, Basílio Horta. Sim, São José é completamente socratinesca e jacobinaça, portanto pertence ao passado e ainda não está a ver [nem quer] a extensão oceânica de merda que o seu ai-jesus comportou para Portugal. É uma pena que além daqueles socratesianos com que o TóZé apanha, apanhe também com a isenção tendenciosa e virginal da São José Almeidolas, que rabisca no Público. Quanto à espécie de oposição praticada por Seguro ou praticada por outros, reformem-se, reciclem-se. Desistam. Andamos a morrer devagarinho. Mais cedo ou mais tarde teremos de pegar este touro irracional austeritário-autoritário com as próprias mãos.

Sem comentários: