quarta-feira, agosto 15, 2012

A MEGATRETA DO EUROMILHÕES

O Euromilhões é uma treta e os portugueses, cá ou na França, os maiores burros de carga dele. Um sistema de sorteio bem armadilhado, assentando no princípio holístico e omnisciente dos megacomputadores de ponta, capazes de encaixar milhões de apostas e determinar, quase instantaneamente, nenhum totalista ou aquele raro e tardo vencedor, só pode representar fraude tão normalizada como as maçãs do Continente. No entanto, ingenuamente, as pessoas gastam litros de dinheiro, sonham debalde e esperam ansiosamente, tudo para aspirar a qualquer migalha impossível acima de cem euros. De quando em vez, um jackpot manhoso e uma família-cobaia, paga para se expor!, como o mais recente mega-hiper-supermilionário casal Bayford para promover o produto contaminado. Não há nem pode haver aleatório puro, quando há um tal grau absoluto de controlo dada a omnisciência incisa ao sistema. Cada vez que se não gasta nem um cêntimo com essas fraudes modernas, bem apertadas, ganha-se dinheiro. Sim, sou frontal e absolutamente contra essa merda ultramanhosa dos lotos e do Euromilhões. Não joguem. Nunca!

1 comentário:

JL disse...

Pois, pois.