quarta-feira, agosto 01, 2007

CROCOSANITODILO


Vem sentar-te aqui, Marques Mendes,
meditar longamente nessa liderança tão mansa opositiva,
nesses compromissos tácitos com os grandes do mundo,
os do grande paradigma liberal e, por isso mesmo,
das grandes trucidações futuras,
fautores dos futuros mendigos,
dos futuros perdidos,
dos futuros marginais irremediáveis,
da derradeira carneirização dos pequenos.
ljl
Ver-te o cu não implica emoções para ninguém.
Por isso vem e senta-te.
Também outros se sentaram aqui.
Sócrates, hemorróida autoritária, sentou-se aqui.
Sentou-se Cavaco, hemorróida sem ideias,
Durão, hemorróida da Comissão mais pruriginosa, também.
Todo o político-destempero de tripas nacional
pôde colar a sua necessidade-nádegas a estes dentes-crivo.
É somente uma questão ecológica,
isto de ajustar contas com a tua merda, Marques,
como com a de outros, grandes e pequenos,
malévolo-anónimos ou alevantadiço-identificados.

5 comentários:

Daniel J Santos disse...

Joshua, essa foi forte.

antonio ganhão disse...

Calma! Não dês cabo do homem, que ainda faltam as directas e o congresso.

Agora percebo a falta de coragem de muitos dos nossos políticos: perderam-nos ao sentarem-se no crocosanitodilo!

quintarantino disse...

Caramba, melhor, que porra!!!
E assim, sem mais nem quê... mas, espere lá, aquele rabiote se for na proporção da restante matéria que o rodeia é bem capaz de nem tocar naqueles dentes, cai... ele afunda-se, afunda-se... não, melhor não, deixemos que o homem perdure e por aí continue a teimar em achar-se futuro e gente!

Post Scriptum - aguardamos expectantes a sua adesão como embarcadiço.

Sei que existes disse...

Concordo!Esta foi forte, mas excelente!
Beijinhos

Menina do Rio disse...

Taí um bom lugar pra "merditar"...

beijos