quinta-feira, junho 14, 2007

GUIDA, A CANÇONETISTA


«Nós temos tudo o que tem saído na comunicação social,
nos blogues, ofícios,
em tomadas de posição, em artigos de opinião... »,
mas nós, quem?
Se Guida, nesta entrevista,
diz que tem reduzido os custos com pessoal
nos 'gaguinetes' da DREN,
quem sobra e se encarrega da vigilância ciclópica
dos que ODEIAM prepotência
e emitem o SEU DIREITO À INDIGNAÇÃO
escrevendo, livres?
lkj
Parece-me que, por um bom tacho,

se é capaz de tudo e se tem tempo para tudo:
também para esta NEOPIDESCA vigilância
de que a Senhora Guida é epígono.
çlk

Soa tanto a desajuste e a fealdade todo este justiceirismo dela.
Só sei que o seu delator fiel, o agente servil da queixa-precesso-Charrua,

é meu colega na escola, onde sinceramente o terror abunda
e as pressões SER OU NÃO SER ESCOLA são do pior,
onde a plena informatização ainda não chegou,
onde os funcionários de secretaria
e outros rarearam clamorosamente durante todo o ano,
comprometendo a eficiência nos demais serviços,
onde faltam computadores e sobram as infinitas papeladas,
onde mais de metade dos alunos desaparece no final do segundo período
por exclusão de faltas ou por desistência pura, por desmoralização endémica,
onde a cidade deprimida é a depressão da e na escola,
onde os professores ainda vivem a ilusão do autoritarismo
sem vertente afectiva, humanizadora!
çlk
Pois eu digo: também tenho tudo o que esta mulher tem dito em entrevistas,

tudo o que foi lavrado pelos seus serviços
em comunicados ridículos aflitivamente autojustificadores,
tudo o que de clima depressivo se tem instigado nas escolas:
os professores derreados e maltratados, sobrecarregados de inútil, reagem?
A Papelândia da Ministra, a Grande Burocrata, contra-ataca e em força.
çlk

Miseráveis! Não se mancam!
Charrua é um exemplo.
É a cabeça degolada à entrada da cidadela.
Quem tiver medo, cala a boca.

2 comentários:

antonio ganhão disse...

Esta senhora para Ministra da Educação, já!

Finalmente a prova de que nada de pessoal a move contra esse tal de Charrua:

1- seis professores foram mandados embora, por alguma razão obscura? Não, pura e simplesmente porque deixaram de ser necessários!

2- Só este ano, na área da DREN, foram já abertos 778 processos: o do professor Charrua é um deles.

Que Deus nos proteja, a besta anda à solta e habita entre nós.

Anónimo disse...

Até tenho nojo de escrever sobre esta gentalha ou pronunciar os seus execráveis nomes, tão abjectos são!

PS - Parabéns pelo rearranjo da coluna de links. Achei simpática a romanização onomástica a que fui submetido; mas, confesso, meu caro coevo sáurio, prefiro o som aportuguesado original. Se calhar estou mesmo "sem quórum"!
Abraço e bom fim-de-semana!
ALM