sábado, abril 16, 2011

DRACO INVICTVS

Parece-me que Rui Rio leva longe de mais a sua intransigência em relação ao FC Porto. A sobriedade de que Portugal precisa no exercício de funções políticas ao serviço da comunidade não pode alienar a afectividade e uma sã harmonia com os seus símbolos: o FC Porto orgulha a cidade que nele se revê pelo máximo de que o clube é capaz. Sendo um gestor probo, sério e incontaminado, Rio deveria pensar uma autarquia como a do Porto no convívio com os seus símbolos, agraciá-los, ser digno deles. Pinto da Costa transita em símbolo e nada poderá ser feito quanto a isso.

5 comentários:

FireHead disse...

É tendencioso. Conheço portuenses que dizem que o FC Porto só envergonha a sua cidade. Mas que raio de mania de afirmarem que o Porto é do FC Porto. É o contrário, pá. Força, Rui Rio!

Carlos Alberto disse...

Esta gente não se manca?

Rui Rio é a prova que os Portuenses não se revêm na corrupção dos Portistas.

Essa canalhada consegui transformar o Norte na zona mais pobre do país em 20 anos de 'xitos' que se no futebol têm piada para a ralé na politica apenas empobrece a população.

Há gente inteligente, como é o caso do Joaquim deste blogue que mal o assunto é o FCP vira mais burro que o gerico do cigano!

joshua disse...

lol, Carlos!

aristófanes disse...

poi, pois, daqui por 100 anos quem vai ser lembrado na história? o Pinto, claro!

floribundus disse...

Rio não misturas com fute
Pinto já se esqueceu do que disse e fez a Rio
a politica vem à tona em período eleitoral