segunda-feira, junho 13, 2011

«ASSASSINOS DO FUTURO DE PORTUGAL»

Medina Carreira esteve agora mesmo a explicar a Ana Lourenço o seu novo livro, O Fim da Ilusão. No fim da conversa, após explicar a nossa crise social, onde o empobrecimento se irmana à esterilidade e à mais maliciosa incompetência dos últimos governos, disse ter dito a um dos ministros sinistros do socratismo, uma vez num restaurante: «Vocês ficarão conhecidos como os assassinos do futuro de Portugal.» Eu não baptizaria melhor essa casta indescritível de gente menor. Nunca serão amaldiçoados o suficiente dada a esmagadora falta de amor pelos portugueses, pelos filhos e netos nascidos e por nascer dos portugueses cujo futuro será novamente sombrio. Por isso discordo frontalmente de Marcelo Rebelo de Sousa que apareceu ontem a respaldar Sócrates e os seus brilhantes assessores de uma putativa criminalização por procedimentos danosos contra o Estado português. Nunca nos endireitaremos se não se fizer justiça cabal e objectiva sobre titulares de cargos públicos responsáveis por erros grosseiros e grosseira burla. Foi também na SIC-N que me deparei com Alfredo Barroso, completamente infantil, interruptor do discurso alheio como nem os velhos Marretas, gordo, bojudo, sempre a arrotar, enquanto protestava uma gigantesca sensibilidade para com os pobres, lado B de um disco riscado com lado A que são as palmas e língua de pau sempre que a chusma de ladrões do Rato rata os recursos do Estado. 

4 comentários:

floribundus disse...

ao contrário de Medina e de mais uns quantos
os restantes apostam no 'paradigma' por este ser muito 'assertivo'

quem lhes acertasse com um cacete nos cornos

Anónimo disse...

Há também aqueles do BPN.

Ze Muacho disse...

Caros Amigos,

Acabei de ler e assinar esta petição online:

«Para julgar em tribunal o eng. José Sócrates por gestão danosa dos dinheiros públicos»

http://www.peticaopublica.com/?pi=P2011N9288

Pessoalmente concordo com esta petição e acho que também vais concordar.

Subscreve a petição aqui http://www.peticaopublica.com/?pi=P2011N9288 e divulga-a pelos teus contactos.

Obrigado.

Anónimo disse...

Ontem à noite, ao "passar" pela SICn, vi que estavam frente a frente Aguiar Branco e o "politólogo-tudólogo" Alfredo Barroso.
Fiquei um bocadinho para ver (e ouvir) o actual estado de despautério do segundo... O que me suscitou estas duas perguntas:
- Como é possível que um canal televisivo que se pretende sério (aqui ou no Benim) aceite descer tão notoriamente abaixo de cão?
- Como é possível que alguém, em seu perfeito juízo, aceite participar num frente-a-frente com outrem tão notoriamente abaixo de cão?