quinta-feira, junho 23, 2011

MANIFESTO ANTI-PITTA GORDA E OVÓIDE

«Pitta é uma porteira despeitada e invejosa; daquelas que, de vassoura na mão e trajando de chita, linguareja vilanias acerca dos habitantes da rua. Com uma bolsa na frente da bata  que a faz mais gorda e ovóide. Usa por isso os termos 'da populaça', daqueles termos que também as kátias das TV's usam nas suas reportagens: diz então "... e o Falcon do governo? Foi para a sucata?". Para esclarecimento da pittosa criatura, o "governo" não tem Falcon; quem 'tem' é o Estado, e está a cargo da Força Aérea Portuguesa operar a dita aeronave. Na verdade não é um, mas três  com os números de cauda 17401, 17402 e 17403 (Falcon 50, fabricado por 'Avions Marcel Dassault, France'). As porteiras e as Kátias  que nada sabem  acham sempre que 'só há um'. Só fazendo as contas se poderá apurar se Passos  ao não usar "o" Falcon  de facto corta nos gastos. Também é preciso saber se estão operacionais e se têm combustível; também é preciso saber se o PR (ou alguma emergência verdadeiramente importante) não têm um desses aviões reservados, e em estado de voar. Uma coisa é certa: o PS deu um uso excessivo e ladrão aos pobres aviões da FAP nas últimas legislaturas, tendo o ex-ministro Mariano Gago usado 'o tal' Falcon para ir de férias (as férias do casal...) com a sua digníssima para a Grécia; e para outros lugares. O último governo usou a FAP como taxista mal-pago (ou mesmo não-pago) para seu próprio benefício pessoal, particular, familiar. Talvez por isso seja mesmo necessário comprar bilhetes à TAP. O Pitta é rasca; o Pitta 'é pobre'; o Pitta é bimbo; o Pitta usa largas cuecas e vastíssimos 'sutiãs' adquiridos em lojas do Bairro de Alvalade; o Pitta é parvo.» Besta Imunda

Sem comentários: