segunda-feira, junho 20, 2011

O LOBISMO LEVOU A MELHOR

Está visto que o velho lobismo dentro do Parlamento levou a melhor sobre Fernando Nobre. Estou desiludido com o PP e, naturalmente  mas isso não pode mudar sem que tal partido acabe ou mude de sexo , com o PS cabotino. A rejeição prévia do nome de Nobre afronta a velha praxe, em início de uma nova legislatura, de acatamento à 'propositura' do partido vencedor, mas não afronta as velhas negociatas, a lei de financiamento dos partidos e toda a velha corrupção. Hoje, derrota minha!, essa corrupção, esse directório dos mesmos para os mesmos, leva a melhor sobre um homem recto, ideal para a reforma dos vícios, costumes, luxos, sumptuosidades, abusos, desproporções e más habituações parlamentares. Cambada de cretinos! Ai de quem lhes ameace ou afronte os interesses. Outro ismo de mau cheiro: o lobismo da deputação. Não admira que, no Parlamento, não tenhamos deputados fora dos partidos e que os partidos não dêem satisfações a ninguém. Vamos lá continuar como dantes, isto é, sem qualquer esperança, porque o velho ranço parlamentar dura e dura e dura.

6 comentários:

Anónimo disse...

Sentiu-se um Pedro Passos Coelho diminutamente empenhado na eleição de Fernando Nobre à presidência da Assembleia da República, o afã do cargo sobrecarregado com a condição do País poderão ter-lhe “roubado” o tempo necessário à empreitada ou, como afirmam muitos, o convite para o cargo destinava-se somente a arrebanhar os votos daqueles que nas presidenciais apoiaram o médico.
Tanto a apresentação como a rejeição da candidatura não trouxeram nada de bom ao candidato, à organização que dirige, nem a PPC/PSD.
Fernando Nobre (desde que se meteu nas lides políticas) revelou-se bipolar, feição que se calhar o ajudou a resolver muitos problemas nos países (ditos) do terceiro mundo mas que cá, e já nas presidenciais, o fizeram perder admiradores/apoiantes, às tantas resultava muito bem no Parlamento.
Revolveu-se a estrutura da AMI e pasme-se, os colaboradores mais bem remunerados são familiares do presidente, espero que o avanço de Fernando Nobre na política não represente um recuo da AMI.

floribundus disse...

pp 'não é flor que se cheire'.
o interesse do rectângulo está depois do seu, como teremos oportunidade de ver

Bic Laranja disse...

Muito bem escrito. Comentários pertinentes. Gostei de ler.
Cumpts.

Anónimo disse...

Parece que o CDS/PP amanhã apresenta candidato, o Kacinto Leite Capelo Rego.

Anónimo disse...

Floribundus, preparava-me para "postar" o seguinte "Há egos que não cabem no rectángulo" mas o seu post é praticamente a mesma coisa, por isso não vou repetir; e das duas uma: ou o seu teclado é mais rápido que o meu, ou passa por cá mais cedo do que eu.
Enfim, não posso concordar mais.

Virginia

Dédé disse...

PRAXADOS NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA.