domingo, junho 12, 2011

GOMES, UMA CABEÇA DOENTIA

«Deixemo-nos de hipocrisias e de subentendidos. O que Ana Gomes fez foi acusar publicamente Paulo Portas de frequentar os meios da prostituição masculina em Portugal. Portanto, das duas, uma. Ou ela está doida e deve ser removida do Parlamento Europeu. Ou ela está certa e tem a obrigação de levar as suas acusações até ao fim. Estar à partida a envenenar um governo que ainda nem sequer tomou posse é que não pode ser. A inimputabilidade tem de acabar.» João Miguel Tavares

4 comentários:

Miguel Rocha disse...

Poucos são os portugueses que não conhecem essas histórias. A mim pouco me importa, não sou contra a prostituição, nem contra a homossexualidade. Cada um sabe de si. Agora, se pode haver indícios de crime, seja com submarinos ou com tanques, que se investigue e condene os responsáveis.

Banda in barbar disse...

e o que a vida pessoal ou a ausência dela tem a ver com a condução dos destinos de uma nação

sócrates era obstinado e com fraca visão

Soares era deixa correr que fica tudo bem

Cavaco era deixem-me trabalhar que logo se vê se o trabalho prestou para algo

se calhar se tivessem uma vida mais gay talvez tivessem umas perspectivas melhores

em vez de governar por palpites

poderiam ter tido um decorador d'interiores que tivesse feito um melhor trabalho nestes 38 anos quase

a guerrilha inter partidária em tempos de ascensão às cúpulas do PS
dá visibilidade

interessa falar de qualquer coisa

Anónimo disse...

Mais do que publicamente acusou pubicamente ...

Virginia

MBO disse...

Bom ... fico na dúvida se Ana Gomes se referia apenas a Portas. Há sempre a hipótese de numa segunda fase ter atacado Sócrates.
http://direitasupraciliar.blogspot.com/2011/06/ana-gomes-socrates-as-lesbica-e-os-gays.html