quinta-feira, fevereiro 10, 2011

A NUDEZ DE RUI PEREIRA

Estaria aqui a defender Rui Pereira se, tal como o congressista norte-americano Christopher Lee, tivesse caído na fraqueza de se publicitar em tronco nu num anúncio qualquer por sexo suplementar transmatrimonial. Infelizmente, Rui Pereira não se publicitou em tronco nu por sexo, encontros amorosos, com um par de tretas e de mentiras. Fez pior: tutelou politicamente as piores eleições do pós-25 de Abril e ainda não se demitiu. Não poderia estar mais nu. Mais um motivo para votar favoravelmente uma moção de censura, uma vez que nada nem ninguém neste Governo tira consequência dos seus actos e das suas grosseiras negligências.

1 comentário:

www.angeloochoa.net disse...

oaquim Carlos:
Sobre idêntico tema no contexto diferente de amiga em seu blog teclei agora mesmo quanto segue: (in
http://anabelapmatias.blogspot.com/2011/02/colossal-irresponsabilidade.html)
...fora já eles estão neste barco sem deriva...
...e puseram-nos fora de nós...
...com suas malfeitorias...
...nós com os olhos bem abertos já os chumbámos...
...e também os pusemos a «eles» fora do horizonte dos dias...
...banidos nós por sua d'«eles» infâmia sem nome, os banimos a «eles» com pesada pedra sobre «sua» anomia...
...são os ricos sem nome da parábola...
...não os conheço, clamo...
...resta esperar desfecho para este catastrófico e colossal desastre que é o actual estado de coisas...
Agora dis-me só, Anabela, no respeitante ao Ensino, nosso mester:
Que bicheza serão estes alunos sem chumbos?
Explico-me:
Se não há critério valorativo, que monstros saem de nós nossos alunos?
É um passe-vite passa tudo sem rei nem roque a descambar numa carneirada e cambada de medíocres sem vistas nem perspectivas nem futuro.
Assim à ordem d’«eles» matamos nossos netos.
Beijinho, Anabela,
do Ochôa