quinta-feira, fevereiro 24, 2011

SITUACIONISMO TELEVISIVO

Deverá ser por uma espécie necessidade fisiológica que José Alberto Carvalho e Judite de Sousa, director e subdirectora da informação do canal público, possam eventualmente mudar-se em breve para a TVI. Quanto mais cedo se descolarem da obediência aos ditames controleiros do socialismo-socratismo, paga aliás a peso de ouro, melhor para eles. Qualquer um procuraria demarcar-se do lixo subliminar nestes anos de Circo e castração rente mediática. Seis anos de silêncios e contemporizações, provendo e promovendo a mentira por omissão, demissão. Seis anos de submissão canina ao situacionismo abafador que o socratimo-socialista promoveu milimetricamente. Nem mil programas laudatórios Prós e Prós, por exemplo, prostrados ao Primadonna e à sua visão estrábica do País, nos salvaram da iminente bancarrota e da necessidade de um prudente pessimismo preventivo. Já agora, para onde se transferirá Fátima Campos Ferreira? Por que não desaparecer nos infinitos arquivos dos abrantes?!

3 comentários:

Unknown disse...

Só se for para a Via Norte.

José Domingos disse...

Servem qualquer amo, desde que paguem.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.