domingo, fevereiro 13, 2011

REPELIR CRIANÇAS E RELEGAR VELHOS

Tudo visto, lido e reparado, Portugal mostra-se um País que não ama crianças, repelidas na solenidade das Igrejas e cada vez mais raras como linces. Mas também relega os velhos. Ele próprio velho e decrépito, o País vai morrendo num inexorável processo de autofagia, entregue ao salve-se-quem-puder. potenciado pela corrupção extrema e a malícia ignorante. Se há sociedade apostada em ser infeliz e nisso contumaz, é a nossa. Sente-se no ar uma falta de amor atroz. Bem evidente também na frieza e inexpressividade da bloga invejosa e exclusivista.

2 comentários:

floribundus disse...

o governo, tal como o país, está velho e caquético

George Sand disse...

Tem razão. E estes casos de velhinhos encontrados mortos sozinhos, dá qu pensar...