sábado, dezembro 31, 2011

PCP E O NOSSO TUBO DE ENSAIO AUSTERITÁRIO

Sim, o capitalismo é cruel. Não, o secretário-geral do PCP, que podia ter dito umas coisas olhos nos olhos da Troyka, em devido tempo, não pode mudar a linha de curso no tubo de ensaio austeritário, que é Portugal, embora possa afirmar o que quiser. Em 2012 o seu partido minoritário e fossilizado, será ou não será a «grande força de oposição à política de destruição em curso e de terra queimada do Governo». Os sindicatos e o PCP ficaram para trás e não possuem qualquer argumento construtivo ou convincente como o Pedro da história do Menino e o Lobo. A esquerda sueca e a esquerda nórdica em geral conseguiram muito mais para os trabalhadores e para a sociedade.

1 comentário:

floribundus disse...

um conhecido paneleiro dizia que gostava de coloca 'pau de canela' nas 'em-rabanadas'.

passou de moda dizer punheta.
segundo a nova terminologia é 'descompressão manual'

para o ano há mais