sábado, novembro 21, 2009

AO JORGE FERREIRA


Jorge Ferreira, homem extraordinário e extraordinário blogger que hoje passou, tinha um dom ainda mais extraordinário: dizer a fundo, dizê-lo curto e certeiro. Se há um bisturi da e pela palavra, era o dele. As suas inumeráveis leituras do momento nacional são de pura antologia. Parte e agora faz uma falta ainda mais tremenda no combate tenaz, como era o seu, à mais negra hora portuguesa. Resquiescat in pace. Tenha a Paz dos Justos! Tenha o sossego dos Semeadores da Liberdade mais Profunda: aquela que nenhum desumano poderá sufocar por muito que triunfem provisoriamente esses impuros sempre à tona dos seus lixos e malévolas malfeitorias.

3 comentários:

Planetas - Bruno disse...

Nem mais grande Homem...

Daniel Santos disse...

exactamente.

cristina ribeiro disse...

E Portugal vai perdendo dia- a-dia a alma...