domingo, novembro 15, 2009

«MERDA! FICA SEMPRE AQUELA DÚVIDA!»

A obstinação complacente das figuras decorativas da Justiça é uma coisa cega. São imensos a fazer de conta que não vêem. Nada como recorrer à parábola, recurso de escárnio e amargura

1 comentário:

Anónimo disse...

Se houve espionagem política e a intenção de prejudicar José Sócrates e o PS, como tem sido frequentemente afirmado, por que é que os casos mais discutidos e explorados politicamente durante as campanhas eleitorais foram os das ligações BPN/PSD e as escutas ao Presidente da República?