quarta-feira, novembro 18, 2009

O IMPERATIVO

«Se o PSD e o CDS estiverem no seu juízo perfeito, jamais entrarão em acordos estáveis com uma maioria que, além de socialista, é liderada por um homem sem o menor carácter e que está envolvido nas maiores sujidades. Já não é uma questão de estratégia política. Repudiar Sócrates é um imperativo de sã consciência.» Carmindo

2 comentários:

cristina ribeiro disse...

O meu receio é a queda que estes políticos têm para cambalhotas.

joãoeduardoseverino disse...

Obrigado pelo destaque. Abraço, Joshua.