terça-feira, julho 27, 2010

TÓXICOS COMO SÓCRATES

Não! A "verdade", em Portugal, é uma coisa que nunca vem ao de cima. Pelo contrário, é abafada, maltratada, esmagada, torturada, espremida, encerrada em masmorras, fornicada, esquartejada, alvo de assédio, pressão por telefone, pressão por telemóvel, pressão com prendas, pressão com ameaças, dada a comer aos cães e, no fim de esse processo verdadeiramente esclarecedor, dá à luz abortos, sorridentes e tóxicos, como Sócrates, e quem mais o agarrar, como às pombinhas da Catrina. Isto não é toda a gente que sai sempre limpo, fresco, virginal e impoluto (como o breu) apertados devidamente os colhões certos à Justiça ou lá ao que lhe queiram chamar. Horrendo, abominável, eis o mínimo a dizer de qualquer espectáculo de branqueamento seja aqui, seja na China.  Depois não se queixem, enquanto se equilibram nesta ciranda de loucos!

2 comentários:

MACXDREAM disse...

Só temos o que merecemos...terra das couves!

Daniel Santos disse...

mas que grande vitalidade postativa que por aqui vai. Os meus sinceros parabéns.