sábado, julho 25, 2009

IMPUDICO CARDÁPIO DE FALSIDADES

Depois de quatro anos e meio de devastação punitária do lado mais fraco da sociedade portuguesa: sobretudo os jovens!, sobretudo os portadores de deficiência!, como é que Sócrates ainda tem o topete de procurar aliciar eleitorado com promessas contra as quais afinal militou impudentemente com estrondosa insensibilidade?! Um Estado Pré-Falido não tem o direito de aliciar ninguém nem leiloar falsidades por votos. Um Partido digno de respeito não faz chantagem promitente com os seus cidadãos. Um Estado-PS exaurido de recursos e deles desperdiçador-Liscont com Vastas Clientelas devia ter tento na língua. Porém, com Sócrates, o impudico está na ordem do dia e o jogo político é uma falsificação solene, marchando impante. É preciso limpar Portugal de este perfil indecoroso viscoso com toda a lata do mundo: «O secretário-geral socialista afirmou hoje que, se formar Governo, resolverá a situação dos 25 mil jovens desempregados que não podem beneficiar do subsídio de desemprego e prometeu que nenhum deficiente com incapacidade total para o trabalho terá rendimento inferior ao limiar da pobreza.»

3 comentários:

David R. Oliveira disse...

Joshua! ... deixem o homem. Aquilo é mesmo tara. Aos pedófilos só cortando-lhes a picha ou castrando-os. A este, cortando-lhe a língua já que de lobotomia não se vai lá. E, Joshua, a sério (a sério mesmo), estou cada vez mais convencido que, o que esta gajada precisa, é de chegar ao ponto em que a porcaria lhes entre pelas narinas, pela boca ...
(Desculpe a linguagem e se por acaso imprópria, elimine o comentário sem mais ou outras explicações.)
Abraço
David Oliveira
P.S.: sabe como é cagarmo-nos para eles (para o dito e para os que qurem ser ditos ou seja, para todos?) e ainda por cima ganhar dinheiro? é assim, por exemplo:
Na bolsa
- daqui até fim de Agosto vender, logo que faça mais valias que se vejam, todos os activos que tiver e sair;
- não reentrar sem saber o resultado das eleições;
- no dia seguinte às eleições:
se ganhar o PS, comprar (mesmo que estejam a subir) o mais que puder de Mota-Engil,Teixeira Duarte e Soares da Costa;
se ganhar o PSD comprar banca (Bcp, Bpi, Banif, Finibanco, Santander, Bes) e distribuição alimentar (Sonae, J. Martins,...)
aguardar que o índice chegue aos 8500 pontos, vender e ... deixar correr. Que se há-de fazer?! É a democracia que não se pode mudar. Afinal de quem é a culpa! do mentiroso ou de quem acredita no mentiroso?

Daniel Santos disse...

Esta gente cansa-me.

Anónimo disse...

O paleio postiço do Habituem-se está por todo o lado da treta e até parece de fiar. Gato escaldado...