sábado, outubro 22, 2011

MISTER PEREIRA NO DIVÃ

Não haja dúvidas: reconheço que as responsabilidades de Vítor Pereira são absolutamente novas para ele, por mais estranho que isto possa parecer. Também pode estar a aprender a ser o líder que nunca precisou de testar ou foi sequer chamado a ser. É possível que, nessa dura e exigente aprendizagem, se tenha perdido, perdendo o fio à meada do balneário e a saiba reencontrar e ser feliz. Pede-nos complacência, benevolência e apoio: pode reclinar-se no divã que somos todos ouvidos ao seu clamor e ao peso da pressão Odete que impende sobre si, o menor dos males será o despedimento. Terá todo o nosso carinho e até o nosso amor de adeptos apaixonados, mas justos perante circunstâncias e herança tão avassaladoras. O mister Vítor terá tudo o que quiser, se fizer por isso.

Sem comentários: