quinta-feira, agosto 27, 2009

EXCESSO DE EMBRULHO E IMBRÓGLIO

Naturalmente desorientado, este PS, que recua das suas imposições rígidas iniciais quanto aos debates televisivos, vai compreendendo melhor o impacto negativo inculcado pelo seu timbre absolutista impositivo. Porém, vender uma imagem magnânima agora, depois de ter consolidado uma outra impassível com manifestações, despreziva para com Sindicatos e Movimentos Cívicos, completamente peixeiresca e agressiva no Parlamento e omnipresente com o teleponto de demagogizar e gesticular estudado, tudo sob um culto da personalidade e da aparência jamais visto em Portugal, chega tarde e a más horas. Nada que provenha de Sócrates convence. Excesso de embrulho e de imbróglio para tanto Vazio acoberta um apetite imoderado por Poder, satisfação clientelar e nada mais: «O PS, que até agora só aceitava fazer debates frente-a-frente com Manuela Ferreira, recusando duelos com os restantes líderes de partidos com representação parlamentar, mudou de opinião, viabilizando assim os debates televisivos na campanha para as legislativas, apurou o PÚBLICO.»

2 comentários:

Pedro Fontela disse...

hmmm... giro... vamos ouvir as várias versões da mesma história (até estéticamente os partidos são desagradáveis, são repetitivos).

daniel tecelao disse...

Descoberta que foi a natural desorientação do PS,célere se tomaram medidas cautelares,foram enviadas por correio azul umas quantas bússolas para o largo do Rato.
O tema peixeirada seria interessante abordar,porquanto muito haveria a dizer sobre um assunto onde a direita dá cartas,mas por ora limitamo-nos a registar.
Já o apetite imoderado de poder,merece uma valente gargalhada.
Nã se enxergam!!!