segunda-feira, março 29, 2010

CHUPAR PORTUGAL

Já se sabia que o refrão-lema Avançar Portugal consistia precisamente em oprimi-lo e saqueá-lo. Vai-se ocultando até que ponto. É uma pena o facto tardio de somente oito deputados do PS subscreverem, na semana passada, uma declaração de voto criticando o adiamento da tributação das mais-valias bolsistas. E os outros deputados socialistas? Que raio de causas, preocupações e sentido social, têm eles? O João Galamba, por exemplo, que anda na boca e nas mãos de toda a gente sob a forma de papel, por que não votou ele no mesmo sentido daqueles socialistas, num sentido qualquer que se notasse solidário e útil ao País e não ao seu Mentor Darth Vader? Isto prova que nem aos socialistas mais entalados serviçalmente no Parlamento escapa a evidência de ser o Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC) um documento sumamente cretino, mentiroso e oportunista. "Imperfeito", para ser eufemístico. Onde está então, entre os socialistas com um módico de independência de espírito, a divergência aguda que se veja com as prioridades-saque do Primadonna e do seu Teixeira Mal? Os Abrantes de Sócrates, essa gente com um SIS na barriga e um taco altivo no olho cu, não tem mãos a medir a empalar Portugal de erróneo e enganoso, defendendo o seu Socratinejad, o seu Hugo Chávócrates do paupérrimo arrebalde europeu ainda chamado Portugal. Ele e essa sua guarda pretoriana já só mantêm assustados e em chantagenzinha esses pintos monteirones e marcelinos da Real Chupadoria Nacional.

3 comentários:

Diogo disse...

Deverão ser os não parlamentares a empalar com um taco o Darth Vader, quanto mais depressa melhor.

Floribundus disse...

"enfilé-le une grosse bitte au trou du cul"

pela minha parte recomendo "merda em boca", suplicio de outrora

Eduardo Miguel Pereira disse...

Amigo Joshua ! é principio do fim do regime.
Agora é só esperar que ele caia da cadeira como o outro e pronto !
É preciso é que depois não venha para aí outro Marcelo !