quinta-feira, março 25, 2010

UMA PAREDE COM MÃOS

O tempo passou e nunca mais pensamos nele. Mas este gesto deixa-nos a cismar: muitas vezes, em vez de ser alguém óbvio a limpar as mãos à parede, pode bem ser uma parede com mãos a limpá-las em qualquer lado. Ainda melhor se o caso insólito se der no Haiti, país praticamente sem paredes.

Sem comentários: