segunda-feira, setembro 20, 2010

BENTO XVI, UM SERENO TRIUNFO

«A visita do Papa ao Reino Unido foi um dos temas grandes da semana passada. A primeira visita de Estado de um Papa a um país que até há pouco tinha um primeiro-ministro  Tony Blair  que se converteu ao catolicismo após deixar as funções governativas. No país de Richard Dawkins, que continua a fazer livros e doutrina pelo ateísmo  alguma até com muita graça e inteligência, outra absolutamente chocarreira , a visita de Bento XVI, o Papa que procura ligar Razão e Fé, foi marcada por manifestações contra e a favor, mas teve indiscutivelmente uma boa aceitação. Depois de um período em que se discutiu se o Estado, em que a Rainha é a chefe da Igreja de Inglaterra, devia pagar os custos da visita, no final o "Papa Rottweiler" tornou-se o "avô santo", como lhe chamava ontem o "Sunday Times". Apesar de tudo, Bento VVI vai passando uma mensagem de simpatia. Algo que não esperariam muitos há cinco anos, quando foi entronizado como sucessor de Pedro.»

2 comentários:

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...


AFECTUOSAMENTE
JOSHUA

ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER Y CHOCOLATE.

José
Ramón...

Anónimo disse...

Caem tantos aviões com gente inocente só o desse filho da puta (ratz) não cai.