quarta-feira, setembro 22, 2010

GAY BELICOSO E VIRIL?

A homossexualidade militar é um dado desde tempos imemoriais. O único problema é falar e assumir isso. Antes de uma batalha contra os Germanos, as legiões Romanas perderiam todo o moral se, no seu discurso motivacional de guerra, o General assumisse uma já consabida ou sobejamente conhecida virilidade invertida muito dele no plano pessoal e íntimo, passe o pleonasmo. No plano militar, há coisas que não encaixam lá muito bem: em militarês, "assumir" está a mais, minha querida e dulcíssima Isabel. Há derrotas piores, mesmo numa sociedade pudibunda como a norte-americana. Beijo.

2 comentários:

floribundus disse...

a sociedade dos psiquiatras americanos considera a homossexualidade como distúrbio psiquiatrico.
o pessoal do 'desculpe estar de costas' faz protesto 'anual'.
uma noite depois duma sessão no minúsculo oriente tive de levar ao hospital um 'cu arrebentdo' abandonado pelos companheiros. um amigo especialista de 'cuses' salvou-o de incontinência anal aos 25 anos.

Anónimo disse...

Doença ou vício? Jesus era homossexual mas nunca foi tropa.