quinta-feira, dezembro 23, 2010

A LISTA DE CHICHINDLER


O Daniel Oliveira anda muito selectivo, escolhendo o pobre Cavaco como alvo preferencial quando o mal se distribui tão abundantemente pelas aldeias caducas da partidocracia flatulenta. Claro que quem navega na bloga de primeira linha [alforge de boys efectivos ou putativos], a elite cocó dos grandes reis na barriga borrifante e cagante, essa que beneficia de todos os holofotes  essa toda prostitui-se eleitoral ou exegeticamente com a máxima naturalidade. Isso da selectividade dani-oliveiraniana devem ser fumos da coligação alegre e o seu hibridismo BE/PS de Polifemo anão, igualmente ciclope. Escrito o post dani-oliveiraniano, veio o Tiago Mota Saraiva estilo «Não, não, o coelhinho veio com o Pai Natal e o Palhaço no Comboio ao Circo!» e comeu-o: «Daniel, imagina se Jorge Coelho, Armando Vara, Rui Pedro Gonçalves, Vitalino Canas, José Lello, Ricardo Rodrigues, Rui Gonçalves, os manos Penedos, Mário Lino, Santos Ferreira, André Figueiredo ou José Sócrates fossem investigados pela justiça, como qualquer outro cidadão sobre os quais existem suspeitas criminais (e nalguns casos provas)?» Eu não consigo imaginar o inimaginável nem o impossível nem o improvável. Não deixa de ser interessante esta lista de perpétuos imunes. 

2 comentários:

floribundus disse...

só conheço o Daniel da Bíblia.
não perco tempo à procura de insignificantes

Pata Negra disse...

Amor e Boas Festas todo o ano e pelo corpo todo!