sábado, maio 31, 2008

EIS O GRANDE DIA DE PSL


A catástrofe espera o PS, mas só é assunto a fragmentação autofágica do PSD.

Hoje, ganhe quem ganhar, o horizonte é todo do Bloco de Esquerda.
Qualquer derrota de Pedro Santana Lopes, seja pela margem que for,
representará uma vitória para si porque qualquer vitória, de PPC e MFL,
é uma derrota para o Partido da agudização fragmentária
e da insustentabilidade incontornável.
O Centrão falhou Portugal. Os nossos pêsames frios.
Paz à sua alma!

2 comentários:

antonio ganhão disse...

Meu caro, depois do Menezes, o Santana? As tuas paixões são difíceis de entender...

antonio ganhão disse...

Já me esquecia, se agora me quizeres comentar, só lá para os lados onde tu não gostas muito de ir.