terça-feira, maio 13, 2008

FAJUTO CHÁVEZ E ZECA FAJUTO

Quando se vai visitar e negociar com Chávez,
cigarrilhas e cigarretes, é preciso mostrar que o País, Portugal,
é mesmo o quintal dos fundos de quem o governa,
é mesmo o tapete dos pés onde se legisla o que se quer e à medida do que se quer,
onde se favorece quem se quer, onde se destrói a Reserva-Natura em troca de uns milhões,
onde se manipula, intimida, num bullying sorna, os Media e a Informação a seu bel-prazer
porque, afinal, o povo é mole, desmemoriado, abusável.
Fretou o avião, e o avião é dele? Não há uma autoridade consultável dentro do avião da TAP?
A TAP é dele? Há sempre desculpas,
entre os lambe-botas obedientes, para quantas arma o Zeca Fajuto.

3 comentários:

antonio ganhão disse...

Olha que venha o petróleo e não dês cabo do negócio! Chiuuu...

Tiago R Cardoso disse...

Um encontro de dois estadistas, foi bonito.

Pata Negra disse...

Ouvi ontem na TV: um dos maiores problemas dos portugueses na Venuzuela são os raptos. Ofereço recompensa a quem raptar a comitiva - não importa o preço, posso pagar em petróleo.
Um abraço a fumar