quinta-feira, agosto 21, 2008

ÉVORA ÁUREO


Finalmente! Há atitudes brilhantes que nos recordam
vagamente que o amor a Portugal se faz e consolida com Glória forjada a sangue
e não com tentativas agnósticas de superação
fiada no estrelato à partida.

1 comentário:

Tiago R Cardoso disse...

e muito bem.