sábado, dezembro 20, 2008

MEDITAR NUMA SOLUÇÃO DE ESQUERDA


Tem sido assim. Continuará a ser assim: meditando!
Meditando muito sobre o futuro da esquerda, com muito blá-blá de esquerda,
sob os auspícios tutelares do Alegre de esquerda, que acena com a ruptura
de esquerda e não acena, que assume e não assume uma esquerda de ruptura,
que promete e não promete a esquerda refrescada fora do PS. Tem sido assim:
o braço esquerdo apoia o queixo e medita dar em nada.
kjh
Tem sido assim. Continuará a ser assim: meditando!
Meditando muito sobre o futuro do PSD, com muito blá-blá de credibilidade,
sob os auspícios da Manuela Ferreira Leite, beata, credível, antes inimiga de Santana,
mais tarde apoiante de Santana ao Município, que acena
com a continuidade recordista de esse desempenho agónico
nas sondagens da rua ou do braço estatal da propaganda ou das que calhar,
mas não acena com afastar-se antes de maiores danos; que assume ir a votos,
mas não assume deixar a vez a quem perceba de política e lógicas de aparelho,
que promete oposição e não a cumpre e não a urde que se sinta. Tem sido assim:
o
braço mais à mão apoia o queixo decadente e medita acabar.
lkj
Tem sido assim. Continuará a ser assim: meditando!
Meditando muito sobre o futuro do PP, com muito blá-blá de imposturice,
sob os auspícios tutelares do Portas unipessoal de direita, que acena com alianças
à esquerda e não acena, que assume e não assume uma direita oportunista de governo,
que promete e não promete uma direita pronta a governar coligada. Tem sido assim:
o braço esquerdo apoia um queixo ambicioso e frenético
e medita,
suspirando por dez por cento e ser governo.

Sem comentários: