terça-feira, agosto 17, 2010

EXTREMA IMPUNIDADE

Não estranho a punição oportunístico-exibicionista que a Justiça faz ao "perigosíssimo" Mário Machado. O Regime só tem tomates para isto. A coisa até vai a toque de caixa para disfarçar a dilação nos casos a doer e que roem até ao tutano a credibilidade nula do Regime. Estranho é a contínua e emporcalhante imunidade dos políticos mais sujos e mais poderosos graças a golpes de mão com actores menores colocados a jeito para todo o serviço venal disponível. Estranho a incapacidade de se demitirem maus dignitários e representantes da res publica aos mais diversos níveis. Uma vez punida e de forma célere, toda a restante delinquência e pequena criminalidade serve de exemplo e disfarce à farsa geral. Sem que isto pareça justificar-lhe os actos, à sua escala, a sentença de Mário Machado funciona como a lixívia do problema geral da Justiça. E ele é o bode expiatório da disfunção eréctil da "democracia": medra a absoluta impunidade na mais deslavada desigualdade. Qualquer aparente excepção confirma a triste regra.

8 comentários:

Anónimo disse...

um preso politico Mário Machado, vergonhosa esta senteça movida por motivos politicos, enquanto este nacionalista é preso as ruas de Portugal vão-se pareçendo cada vez mais africa e a inpunidade e criminalidade violenta cresce.
enfim

Portugal aos portugueses

Daniel Santos disse...

não misturar as coisas.

José Domingos disse...

É uma forma de cortar pela raiz, qualquer tentativa de organização de direita, não é aquela direita que a esquerda e os comissários politicos aventalados, permitem, tipo cds.
a outra direita, quer responsabilizar, os incompetentes, que levaram este país, ao estado miserável, a que chegou, autenticos proxenetas, que continuam a ser alimentados, com o dinheiro de todos nós.
Espero que as provas de acusação, ao Mário, não desapareçam, acontecem coisas estranhas, nesta pocilga, outrora chamado Portugal.

floribundus disse...

se tivesse sido da dirigente da Mocidade Portuguesa e fosse militante do ps
estava certamente no governo

«o meu fascismo é melhor que o teu»

Anónimo disse...

Aberração de pena
aberração de sistema judicial, falam do Chavez? O tribunal da Venezuela dava-lhe menos de certeza, pois é independente, LOL, estes não têm amigos no PS PSD PP...o Dias Loureiro num minuto, roubou mais do que estes cabeças de martelo irão ganhar na vida toda deles juntos. E em relação a violência, hm, não sei não, há quem game gravadores, submarinos, prédios ao Estado, enfim.

Miguel Gomes Coelho disse...

Perigosíssimo entre aspas, Joshua ?
Como classifica um criminoso de delito comum com aquele historial ?
Saudações.

joshua disse...

T.Mike (Miguel Gomes Coelho), o meu ponto não o grau de periculosidade do Mário Machado, mas o cinismo com que a Justiça (politizada) se desforra em casos como este.

Tiago Lopes disse...

Amigos fascistas... perseguição política, descriminação e lei-marcial. Não é isto que vocês querem? Comam e calem-se.