quinta-feira, janeiro 09, 2014

REVOLUCIONÁRIOS SILENCIOSOS

1 comentário:

Guilherme Antonio Morgado disse...

Muito, mesmo muito bom. Realista, prático, claríssimo e felizmente muito pouco (ou nada, direi eu) tolerante com a militante tuguice nacional. Mesmo que algumas das suas ideias colidam com um ou outro ponto de vista mais simpático para mim, tenho de aceitar as imensas verdades que diz.