sábado, dezembro 22, 2012

CÂNCIO SOBRE PASSOS COELHO

Imagem afixada
«Não há como negar: temos o primeiro-ministro mais aldrabão, incompetente, irresponsável e perigoso de sempre (desde que há eleições livres, bem entendido).» Em geral, a opinião de Fernanda Câncio não vale a ponta de um corno. Passe o eufemismo, um monte de merda a pronunciar-se acerca de um monte de lixo deixar-nos-á invariavelmente na dúvida quanto à pureza de intenções do monte de merda, pelo menos. Conhecida por distorcer e maleabilizar os factos, os pressupostos, as preposições argumentativas, até ao limite dos seus interesses facciosos e pontos de vista do mais tendencioso e venenoso que a imprensa nacional já conheceu, o que tem passado basicamente por suportar o socratismo, todos os seus refinados roubos, desvarios e excessos, Câncio não serve para mais nada. Especializou-se em aputalhar e debochar o debate tanto pelo que omite quanto pelos alvos que privilegia: está tudo bem com a Segurança Social Portuguesa? Bagão Félix é assim tão insuspeito? Passos é um superlativo aldrabão? Até poderia ser verdade. Tudo. Mas há um problema. Se e quando é Câncio quem o afirma, a força performativa da afirmação inverte-se. Aquele que Câncio execra ou detrai só pode ser um santo. 

4 comentários:

Floribundus disse...

pensava eu que a ilustre e sábia dama se referia ao sô zé fugitivo
afinal a gaja avacalhou a conversa

Passaroco do Mondego disse...

Esta ReferÊncia a tal "Senhora" nem disso era digna, ainda por cima estragou-me este fim de dia. Arggghh!

Soliplass disse...

Fosse o problema só a do j'accuse.

Como militante do PS votei contra Sócrates nas eleições em que foi eleito Secretário Geral. Tudo o que se seguiu era previsível só de olhar o tipo de militantes que o apoiavam (salvo raras exepções), o pior que havia nas "mangedouras" de concelhias e distritais.

Infelizmente não é só a ela que se inverte a força performativa das afirmações. É ao geral da bancada parlamentar do maior partido a oposição. E nas autarquias idem, e por aí fora...

Um Natal Feliz, e haja paciência que bem necessária é.

Stoudemire disse...

«... um monte de merda a pronunciar-se acerca de um monte de lixo...»

Merda = Câncio

Lixo = Passos

Assino por baixo.