quinta-feira, dezembro 20, 2012

TODOS SÓS NO MEIO DA TURBA

A solidão dos indivíduos é mais histérica neste tempo de Natal. Toda a gente é uma soma de egos sós, dramaticamente sós, cada qual com a sua ilusão de ser amado, não o sendo, pelo menos não o sendo conforme se ilude ser. Drama e libertação.

2 comentários:

asv1951 disse...

"Toda a gente é uma soma de egos sós, dramaticamente sós, cada qual com a sua ilusão de ser amado..."

Floribundus disse...

Jorge de Sena
'o que nos mata é a solidão povoada'