domingo, janeiro 27, 2013

DIA DE HORRORES

Não há o que se diga perante o quanto se sofre aqui e aqui. Resta-nos chorar com os que choram.

Sem comentários: