domingo, abril 15, 2007

FLORES


Flores! Em todo o tempo e lugar,
flores. Flores para ti, flores para mim,
perdão, amizade, coisas leves, amor e flores!
Pousarei esta pileca quixotesca
e olharei para outras coisas bem diversas,
se mo lembras, se mo pedes,
como, por exemplo, flores!
Insisto, flores!
Sobre a bosta, entre a erva
haja flores. Sobre a mesa.
Sobre a cama. Na cabeça,
pagã festança, sob os pés,
sopeadas na fragrância: flores!

1 comentário:

Atlantic Abe disse...

Joshua -

http://2007maxchallengedillduel.blogspot.com/2007/08/pacific-pauls-garden-poem.html

You posted a comment on the above blog on 6/5/2007. The above poem about flowers reminded me of yours. If you can translate your poem into English and send it my way, I would appreciate it!

Lee Bradley