segunda-feira, agosto 20, 2012

BRUTAIS AMANTES DE TOUROS

O mundo não anda bem. Não posso compreender que os pacifistas protectores de animais se comportem como animais na defesa dos animais, a começar pelo sôfrego e cego munícipe de Viana do Castelo, o verdadeiro parvalhão de serviço ou de prejuízo à causa, dado o trotar lesto a obstaculizar e prejudicar o investimento dos organizadores da tourada. Se querem ser levados a sério, que tal respeito e tolerância por quem gosta da festa brava?! 

2 comentários:

Blackye disse...

Meu caro Joaquim, já tinha pensado no mesmo mas depois cheguei à fantástica conclusão que é perda de tempo. Mas corrijo-o: eles não são pacifistas. Como pôde ver pelas reportagens (e outras causas que não deve ter tido acesso) tentam sempre conseguir levar a sua avante por argumentos falaciosos, por meio da violência (em que ameaçaram um vendedor de bilhetes da festa brava que lhe partiam a casa se o continuassem a fazer), fora os raciocínios sem nexo e as opiniões que defendem.
Eu sou uma estudante da área de produção animal e aquilo que mais me custa ver é a tentativa de persuasão das pessoas por meio da ignorância. Estas pessoas não sabem o que é o respeito pelos animais nem pelas outras pessoas, muito menos têm conhecimento de causa. Confesso que este tipo de notícias já me chateia. Acho que a defesa da causa animal é demasiado importante para ser levada a sério por esta gente.
Há tempos que digo o mesmo nas páginas da PAN do Facebook (nunca irão ser levados a sério a continuar assim), mas parece que é gente demasiado cheia de má-fé para querer saber...
Ah, já agora: eu sou adepta da festa brava e partilho da mesma opinião.

Tiago R Cardoso disse...

tudo bem, mas não estou a ver a ligação entre festa e torturar toiros.