sábado, agosto 25, 2012

DENTE SOCRATISTA À CARÓTIDE DE BORGES

Eles tentam morder.
A quem se há-de atirar a tralha socratista senão à carótida do ricaço António Borges, que hoje dá uma perninha oficiosa no Governo?! Passos não aparece com soundbytes, com exibições de aparato ou aspereza gratuita e triunfal. Relvas encafuou-se no seu gabinete. Portanto, malho no Borges, segundo os modelares socratistas, um caso de estudo da corrupção do espírito público ou não estivessem os socratistas habituados a pôr e dispor de tudo segundo princípios que nunca feriram aquele espírito, desde nomeações obscuras a remunerações escondidas, passando pelos privilégios indecorosos e pelos contactos não escrutináveis com toda a fauna de interesses incrustados  nos orçamentos e ocasionalmente investidores. Hipócritas de merda! Não há maior vómito que, por exemplo, e passe a hipérbole, virem violadores, assassinos, ladrões, por questões de mesquinha e baixa rivalidade, pregar ética, perorar sobre a violação das mais elementares regras da transparência, da seriedade e da accountability. Permance um mistério que o vómito socratista continue a falar alegremente para as paredes.

Sem comentários: