segunda-feira, fevereiro 21, 2011

RICARDO SAIF AL-ISLAM COSTA

Quando Saif al-Islam Khadafi, filho do líder líbio Muammar Khadafi, se mostrou na televisão, pensei ser ele o irmão perdido de Ricardo Costa, o célebre bitaiteiro da SIC, grande monopolista da palavra, hegemónico leitor do palimpsesto político nacional. Recostado e gesticulante, Saif, sósia quase perfeito de Costa ao ponto de ostentar exactamente os mesmos tiques de olhinhos do comentador português, veio prometer reformas e alertar para o risco de guerra civil caso continuem as manifestações nas ruas exigindo o fim do regime. Grande manipulador! Grande argumentador! E esperto. A família tem biliões nos bancos suíços. Há muito a perder. Entretanto, o uso da força para conter os manifestantes que pedem o fim do regime já fez mais de 230 mortos. E fará muitos mais. Perante o furor anti-liberticida que alastra pelo mundo árabe, as contramedidas dos poderes instalados tenderão, em casos como o líbio, ao extremo da repressão, tentando ser bem sucedidas onde outros falharam. Esperançosamente, o que tem de ser terá muita força.

2 comentários:

floribundus disse...

o cádáfi dos ratos anda aflito com os juros, mas jura o contrário

Anónimo disse...

Vão armazenando XANAX porque pelo andar da carruagem ainda têm muito rato para engolir.