terça-feira, julho 17, 2012

INGURGITADORES DE CANUDOS

São muito bonitas e promissoras estas auditorias, por exemplo, à Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, em Lisboa, envolvida na polémica da licenciatura do ministro Miguel Relvas, mas, de tão lentas e tardias a arrancar, provam que, em política, tais processos abusam da maçaneta. Por isso nunca dão em nada. O que lá vai, lá vai.

Sem comentários: