sexta-feira, julho 06, 2012

APOSTO TUDO NOS TEUS COLHÕES, PASSOS!

Mas se os não tens tido para lidar com as PPP, conforme o nobre povo e a nação valente mereceriam, nem os tens tido para secar-matar o buraco BPN, ou para fazer da Madeira um caso exemplar de salubridade e que se foda o seu régulo honorário Jardim, devo continuar a apostar tudo nos teus colhões, Passos?! Não. Já é tarde. Quem contemporizou com o infinito Filho da Puta que hoje se rebola a rir de nós em Paris; quem, mal pôde, nos fodeu de muitas e variadas maneiras mas não aos chulos que sugam isto devagarinho, não merece mais apostas destas, ingénuas, minhas. Mais depressa emigro ou morro.

1 comentário:

Pedro Leite Ribeiro disse...

Pois... Também eu apostei mas parece ter acabado o período de benefício da dúvida. Já decidi que nunca mais voto. Que se f... a merdacracia!