terça-feira, julho 16, 2013

DUPLAMENTE ATRAIÇOADOS

O partido em que tenho votado, o CDS-PP, foi traído duas vezes. A primeira pela demissão imprevista e intempestiva de Portas. A segunda pela estratégia engonhante e confusa de Cavaco. Cavaco traiu todas as expectativas. À Direita e à Esquerda, toda a gente contava com uma versão remodelada de um Governo Passos Coelho II. Não se deve trair as expectativas gerais. Podemos odiá-lo, podemos amá-lo: é melhor um mau Governo que um Governo nulo e anulado.

Sem comentários: