sábado, julho 06, 2013

POLÍTICA E TERMICAMENTE QUENTE

Temos o Verão com que sempre sonhamos. Do ponto de vista político, simplesmente apaixonante nas matérias. No plano do clima, temos o que amamos no Estio, qualquer coisa de abafador. Agora, e porque sob o sol a lucidez dos indivíduos diminui, os corpos vogam dormentes e pesados, tropeçando, errando os botões, colapsando e arfando, nunca será de mais toda a cautela possível e caldos de galinha. Nunca fizeram mal a ninguém.

Sem comentários: