sexta-feira, novembro 08, 2013

GOVERNO PROIBIDO DE METER NOJO

Gostaria de imaginar que não nos foderão com mais uma nova, novíssima, entidade fiscalizadora dos combustíveis, a qual, vão dizendo os spiners do costume, parece não incompatível com Autoridade da Concorrência. Treta. Claro que é incompatível. Escandalosamente incompatível. Incompatível com as mortes que nos pedem a cada dia e os lugares que se desenham todos os dias nos gabinetes desinfectados das governações, até desta, Deus meu. Vão lá arranjar tachos em Bruxelas, pá.

Sem comentários: