domingo, junho 10, 2012

NINGUÉM É MAIS SÉRIO QUE RIO

Esta proposta é uma manifesta ferroada provocatória a Luís Filipe Menezes. Concordo com ela de princípio até porque Rio tem sido exemplar na gestão municipal, constituindo porventura o Porto um caso raro de sustentabilidade, contas em dia, palavra dada palavra cumprida, tirando algumas cismas viscerais ou a demasiado lenta transfiguração da decrepitude urbanística em condomínios de luxo. Sucede que alguém terá de explicar se o Município de Gaia está assim tão estrangulado de dívida ou se, pelo contrário, tem dinamismo económico, oferta alargada de serviços e suficiente liquidez para que nem seja notícia nem haja stress nesse departamento. Foram dois caminhos. Um avaro, contido, prudente, contabilista, o de Rio. Outro, ousado, atrevido, inovador, revolucionador, transformador da paisagem, potenciador do futuro, o de Menezes.

1 comentário:

floribundus disse...

é fácil gastar o dinheiro dos outros.
gaia e lisboa estão superfalidas