domingo, setembro 30, 2012

CAPUCHO, PSD, PS, TUDO UMA MERDA AMORFA

A expressão do comentador e ex-político Capucho é quase feliz, ele que agora passa por sibila frequente e imprescindível a arrotar opinião. No fim de contas, tudo o que nos tem sido habitual tolerar quanto a Governos e a Partidos não passa de uma merda amorfa que decide a contento da merda rendeira e oligárquica que por sua vez nos despreza e nos trata abaixo de merda amorfa. Se a merda amorfa da política e do comentário político se limitasse a um partido ou dois, mas trata-se de um rio de merda de interesses instalados intocáveis que desagua em cataratas de merda até à consolidação inconsolável do nosso estado de miséria galopante e da insustentabilidade do Estado de que aliás não temos culpa.

Sem comentários: