domingo, setembro 09, 2012

A TAL TRANSFERÊNCIA FISCAL

Por que razão a tal transferência de carga fiscal das empresas para a Classe Média, anunciada por Passos, não parece alegrar quase ninguém, muito menos quem confunde transferência de carga fiscal com aumento da carga fiscal? Indiscutível que é sádico. O passado luminoso e gastador também era o ninguém quis saber. Como é que o PS, agora compungido como a mais pudica das virgens pudicas, resolveria este berbicacho? Estou aberto às mais criativas e caritativas respostas, mesmo o Tono Mata está à vontade de responder, desde que assine o comentário em vez de vir aqui para a bostela anónima quotidiana do costume. Há seis anos que lhe sai dos dedos a mesma coisa bipolar, vagamente comentário, da «preta» e do «vai trabalhar», quando não está normal, isto é, cordato e gago.

1 comentário:

Daniel Santos disse...

hoje, na internet, subitamente vi dezenas de apoiantes deste executivo a colocarem fotografias de Sócrates e a trazerem de volta o fantasma.

É absolutamente lamentável que a única defesa perante tudo isto que está acontecer é referirem o defunto.

Haja bom senso e ver as coisas como elas são. Isto é o PSD e CDS, sem consultarem ninguém, sem ouvirem ideias de outros, sem consensos, isto é o quero, posso e mando, isto cheira já a algo mais...

Subitamente lembra-mo-nos do :

- Está tudo bem assim e não poderia ser de outra forma.

Chega! Portugal precisa de seguir o seu caminho de crescimento através de políticas de incentivo ao consumo e dinamizar a economia.

Chega! Portugal precisa de acordar e colocar no sitio, ou seja na rua, que escondido perante a crise avança com uma agenda de desmantelamento do estado social.

Chega!!!