quinta-feira, maio 23, 2013

SAMPAIO, FRETES DO MESMO LASTRO

Sampaio é mais um fretista do socialismo, uma das vozes do Regime Apodrecido e Corrupto que, em face da razia de muitos dos seus interesses instalados e do periclitante poder de cunha no Aparelho de Estado, dizem sempre a mesma merda. Que ele fale ou um soares ou um alegre é rigorosamente a mesma merda. São donos do Regime, figuras tutelares de quanto sempre lhes correu bem e, como são desonestos e ignorantes de boas contas, arrogam-se em consciência de alguma coisa: as sondagens, por exemplo, à abécula Sampaio servem para aferir o que fazer no plano político e negocial. Estupidez crassa. Se as sondagens determinassem a discricionaridade de um crime, teria de ser cometido?! Para esta casta de gente sorna e sonsa, as legislaturas socialistas são sempre para levar até ao fim, mas já não é uma coisa mortal este Governo cair. Da mesma forma que Há mais vida para além do défice. Como confiar num caramelo que abriu as portas ao monte de estrume Sócrates, aos seus sequazes sequiosos e a todas as circunstâncias de absolutismo no exercício bruto do Poder, ao abafamento, por todos os meios, das oposições, à obsessão mediatista-controleirista, à sofreguidão comissionista, à vertigem despesista?! 

Sem comentários: