quarta-feira, maio 08, 2013

ABRAÇADOS CONTRA A MORTE

Eis uma imagem que grita, desenterrada dos escombros da mais recente tragédia do Bangladesh. Pensemos na exploração desenfreada que lhe subjaz. Pensemos o quanto aquelas mortes são nossas, se é que integramos a Humanidade.

1 comentário:

Pedro Leite Ribeiro disse...

Morreram a fazer as nossas roupinhas de marca.