quinta-feira, maio 31, 2012

CORRUPTO POR AMOR

Perante a espessa ladroagem impune dos últimos dois consulados socialistas, tendo como um dos rostos de incontáveis e cretinas habilidades lesa-Pátria Paulo Campos [isto quer ele queira quer não queira; mais, quer o Grupo Parlamentar do PS queira quer não], o caso José Eduardo Simões chega a ser comovedor. Amar a Académica e, enfim, ter-se deixado tentar por causa dela e não por uma ávida glutonaria reles e estomacal qualquer está para a putice das PPP e dos inerentes e implícitos comissionismos políticos socialistas como roubar um pão no Pingo Doce, por um lado, ou assaltar um Banco, matar o recepcionista, apesar de obediente e, ao sair, completar o serviço levando os parcos cêntimos de um sem-abrigo apanhado pela frente, depois de o sovar e imputar-lhe a culpa do assalto, do ser mendigo, do caos no mundo. A culpa é da «crise das dívidas soberanas», lembram-se?! Olhem bem para eles: engordaram com negócios ruinosos para Portugal e os media protegem-nos assim como o PGR e o presidente do STJ. Prosperam, vivem um fausto inexplicável em cidades ultra-caras de exílio chique e de fuga à vergonha de ter abichado indevidamente com imensa lata e os media [Público, SICN, etc.], tal como o presidente do STJ e o PGR, protegem-nos, destroem escutas, no grande servilismo paneleiresco de serem fantoches nas mãos dos ladrões mais absolutos apenas porque gozam do máximo poder proporcionado pelo dinheiro e pelas cumplicidades habilmente entretecidas. Depois quem paga estas dissimulações e estes autênticos roubos de Igreja legalizados são os Eduardo Simões dos trocos e são indivíduos comuns como eu, injustamente assediados de Fisco inescapável, Fisco há muito criminoso no estrénuo saque a que nos vota, assediados para além da loucura, empobrecidos compulsivamente, precários eternos ou eternos desempregados. Foda-se!

3 comentários:

floribundus disse...

uma médica do centro de saúde de 7 rios recusou-me várias vezes a passagem de documento para fazer análises clínicas.
resultado: estive próximo da morte, levei transfusão de sangue devido a anemia grave. paguei com dinheiro emprestado. há 10 dias quis insultar-me. abandonei o consultório.
ninguém se responsabiliza pelos seus actos

joshua disse...

O meu caríssimo amigo está bem? Um Grande, Grande Abraço e votos de bom restabelecimento, se os preocupantes sucessos que partilha são recentes.

Meu coração pulsa por que esteja mesmo bem.

Joaquim Carlos

Anónimo disse...

Ela é médica, não é veterinária.